(Resenha) Sorte Grande - Jennifer E. Smith

Livro no Skoob: Sorte Grande
Título Original: Windfall
Autora: Jennifer E. Smith
Editora: Galera Record
Páginas: 384
Ano: 2018

Novo romance da autora de A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista e Geografia de Nós Dois. Desde que perdeu os pais, Alice não acredita na sorte. Mas ela acredita no amor. De seus tios, de seu primo Leo, de seu melhor amigo, Teddy. Quando precisa decidir o que dar a Teddy em seu aniversário de 18 anos, a ideia parece chegar naturalmente: um bilhete de loteria. Com todos os números importantes para ambos: número dos anos que estiveram juntos, datas importantes e endereços marcantes. Quando a combinação se prova vencedora e o menino ganha quase 150 milhões de dólares, os dois se envolvem em um redemoinho de loucuras juvenis, interesseiros e sonhos de infância realizados. Tudo estaria perfeito, não fosse um beijo trocado no auge das comemorações. Um beijo que mudaria tudo. Mas o dinheiro não pode comprar o amor. Mas será que pode dar uma ajudinha?

Quando resolvi ler esse livro estava em busca de uma leitura leve que me ajudasse a voltar a rotina dos livros após os traumas sofridos durante o período do TCC. E de certa forma foi uma leitura calma, mas que não conseguiu me prender tanto, ou será que ando um pouco enferrujada?

Já imaginou o que aconteceria com a sua vida se no seu aniversário, seu(a) melhor amigo (a) resolvesse te dar de presente um bilhete de loteria, e mais louco ainda seria se você ganhasse? O que você faria? Seria uma sorte grande , ou apenas um grande azar? Imagino que vocês  leitores diriam que deve ser muita sorte e já imaginam suas bibliotecas de dois andares com escadas de rodinhas e quem sabe uma máquina de expresso, por que não? Mas... pensando bem, suas vidas iriam virar de pernas pro ar, seus amigos, famílias, e todos que vocês conhecem estariam felizes por você certo? Mas quem sabe não seja apenas alegria por você, se não algum interesse a mais?

Perguntas, tantas perguntas, e os personagens do livro Jani? Calma gente, é aqui que falo sobre a Alice, o Teddy, milhões de dólares, amores não correspondidos e tudo o mais que a autora nos apresenta na história de Sorte Grande. Começando pela Alice que de sorte não tem lá muitas coisas boas a relatar, órfã desde menina ela vive com seus tios e tenta achar seu lugar no mundo, sempre pensando no que seus pais esperariam que ela fizesse. Já Teddy, bem ele é o Teddy... aquele melhor amigo por quem se tem um crush secreto e todas as meninas estão a fim, até que ele ganha na loteria e faz exatamente o que a maioria de nós faria, curte a vida adoidado... mesmo sob o olhar reprovador da Alice que esperava que ele usasse esse dinheiro para um fim mais nobre.

Com o desenrolar do enredo, em meio ao caos que se tornou a vida de Teddy, acompanhamos também como isso afetou Alice, como a mesma lida com o fato de ver seu melhor amigo (e secretamente amor) virar capa de revista, alvo de interesseiros, e por aí vai! Sendo assim Alice começa a se preocupar com o rumo que ele esta tomando, em meio a tudo isso ela tenta entender seus sentimentos em relação a ele, como também a pressão de viver a sombra dos pais falecidos a quem ela depositou uma imagem de perfeição.

A autora aborda diversos temas no livro, amor família, amizade, responsabilidades, e isso foi algo que eu gostei bastante já que o quesito romance deixou a desejar. Porém como estava em busca de uma leitura leve, o livro correspondeu as minhas expectativas e foi bastante agradável acompanhar como tudo se resolve no fim.



SORTE GRANDE foi cedido em parceria com a EDITORA GALERA RECORD

Sobre a autora:


Jennifer E. Smith se formou em redação criativa pela Universidade de St. Andrews, na Escócia, e atualmente, trabalha como editora em Nova York.

1 comentários:

  1. Oie
    Ainda não conhecia o livro é a autora, mas gostei da proposta do livro é fiquei com vontade de conhecer mais sobre a obra.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir