(Resenha) A Estrela da Meia-Noite - Marie Lu

Livro no Skoob: A Estrela da Meia-Noite
Título Original: The Midnight Star
Série: Jovens de Elite #3
Autora: Marie Lu
Editora: Rocco Jovens Leitores
Páginas: 256
Ano: 2017

Adelina Amouteru sobreviveu à febre do sangue, fez uso de seus dons, formou seu próprio exército, vingou-se de seus traidores e conquistou a vitória. Mas seu reinado triunfante está ameaçado, e o inimigo não vem de fora; a sede de vingança da jovem levou seu lado cruel e sombrio a sair do controle, e ela terá que curar antigas feridas se quiser manter tudo o que conquistou. No desfecho da eletrizante trilogia Jovens de Elite, Marie Lu coloca sua protagonista diante de uma nova ameaça que a levará a revisitar fatos dolorosos do seu passado e a fazer uma aliança arriscada e difícil. Será que Adelina está preparada para se transformar na estrela da meia-noite e, finalmente, conhecer a paz?

E chegou ao fim a trilogia que fez eu me apaixonar pela escrita da Marie Lu. A série em si não é de leitura fácil, pois sua história é bem densa, nela acompanhamos a ascensão de uma vilã, e conhecemos junto com ela quão fascinante e perigosa pode ser a escuridão. Mas ainda assim é uma história que vale a pena ser lida, pois todos temos um pouco da Adelina dentro de nós. Nas palavras da própria Mari Lu, Adelina “é uma lembrança de todas as vezes que fiquei irritada ou triste, amarga ou desiludida, e todas as vezes que as melhores pessoas em minha vida me tiraram disso com paciência e bondade.”.

“Houve uma época em que a escuridão cobriu o mundo, e a escuridão tinha uma rainha."

No primeiro livro conhecemos uma Adelina perdida e amedrontada, que tem seus poderes ligados ao medo, a raiva e a fúria, e não faz a menor ideia do que fazer com eles, ou como controlá-los. Mas após ser traída primeiramente por seu pai, depois pelo seu amado príncipe e por seus amigos, ela decide sucumbir a escuridão e se apoderar cada vez mais dos seus poderes.

Em A Sociedade da Rosa, temos uma Adelina mais decidida, e que com a ajuda dos seus jovens de elite, conseguiu não só conquistar o trono de Kenettra, como também outros territórios das Terras do Mar. Ela agora é uma rainha, que manifesta seu poder infringindo o medo.
“- Chegará o dia em que a derrubaremos. Escreva minhas palavras. Vamos assombrar seus pesadelos.
Cerro os punhos e lanço uma ilusão da dor através de seu corpo.
- Eu sou o pesadelo. ”

Mas apesar de tudo o que conquistou, Adelina ainda assim não é feliz, ela não encontra a paz, e a medida que seu poder aumenta, mas eles tentam subjugá-la. Mesmo com tudo o que conquistou, ela ainda se sente sozinha, e depois que a sua irmã a deixou, ela acredita que não pode confiar em ninguém, nem mesmo em Magiano. O menino que ameaça a cada dia derrubar as suas barreiras, e afastar, ao menos por breves momentos a sua escuridão. Aquele que a conhece por inteiro, e mesmo assim, escolhe ficar ao seu lado.

“-Eu vejo sua escuridão, sim, e conheço a sua luta. Não vou negar. – Ele toca meu queixo com uma das mãos. A esse gesto, os sussurros parecem se assentar, indo para longe, onde não posso ouvi-los. – Mas você também é passional, ambiciosa e leal. Você é mil coisas, mi Adelinetta, não apenas uma.”.

E da mesma maneira que os poderes de Adelina estão a cada dia se apossando dela completamente, isso também tem acontecido aos outros Jovens de Elite. Os poderes recebidos por eles, diretamente dos deuses, é uma invasão do imortal no mundo dos mortais, e isso não poderia acontecer sem gerar consequências. Os jovens de elite se deparam com uma ameaça que pode ser fatal e Adelina precisa decidir de qual lado irá ficar.

A Estrela da Meia-Noite é o menor livro dessa trilogia, porém ele tem tanta história para contar, nele conhecemos um pouco mais do passado de outros importantes jovens de elite, o que nos faz entender um pouco melhor a cada um. Mas principalmente descobrimos qual desfecho a Marie Lu deu para essa personagem tão controversa quanto a Adelina, a garotinha assustada que se tornou a Rainha de Kenettra, construindo o seu império baseado no medo e da qual o leitor não consegue detestar. Assim como Magiano, nós vemos o outro lado da Adelina, e torcemos para que ela consiga se encontrar, confesso que teria destinado um outro fim para ela, mas ainda assim, a Marie Lu conseguiu atender as minhas expectativas para o final dessa personagem fascinante. A série Jovens de Elite é uma leitura densa, mas ao mesmo tempo revigorante por não ser clichê. 



A ESTRELA DA MEIA NOITE foi cedido em parceria com a EDITORA ROCCO

Sobre a autora:






Marie Lu escreve romances jovens-adultos, e tem um amor especial por livros distópicos. Antes de se tornar uma escritora em tempo integral, era diretora de arte em uma empresa de jogos. É formada na Universidade do Sul da Califórnia, e atualmente vive em Los Angeles.

22 comentários:

  1. Oi Amanda! Eu amei esta série, a autora me surpreendeu com cada reviravolta e o desfecho para Adelina foi uma das maiores surpresas. Eu gostaria de algo mais pesado para ela, ainda assim gostei bastante. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  2. O fato de Adelina ter se entregue ao lado negro da força torna tudo mais emocionante, nem só de mocinhas se vive as histórias, principalmente quando se trata de histórias fantásticas.
    uma boa dica para quem gosta do gênero.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, achei bem legal a dica sobre a trilogia e como você descreveu a protagonista e fez parecer incrível! A resenha ficou muito boa, deu pra perceber que você tem carinho pela trilogia! Obrigada pela dica!

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia os livros e apesar de não ter me chamado tanto a atenção achei bem legal a história.
    Pelo que se percebe a protagonista vai crescendo a cada livro e se encontrando cada vez mais.
    Que bom que apesar de que você quisesse dar outro fim a história, o fim que a autora deu, te satisfez igualmente.

    Bjus


    http://naturezaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Já pensei em ler essa série, porém não sei se eu iria curtir muito não, hehe. Adorei sua resenha e fiquei curiosa pra ler os livros!

    Beijos,
    https://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Que demais essa dica menina, gostei muito de saber sobre essa dica de série e de cara me cativou muito, gosto de suspense e aventura, amei essa capa.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi tudo bem?
    Não conhecia essa série, nem a autora mas encantei com sua resenha, e é o tipo de leitura que adoro, ainda bem que tem começo e fim, pois não gosto de começar e ter que esperar sair o próximo, obrigado pela dica!

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    A série Jovens de Elite é uma obra bem conhecida, mas como não gosto do gênero ainda não tive interesse em ler nenhum livro da trilogia. Todos falam das reviravoltas envolvendo a personagem principal rsrs, não é uma leitura que faria no momento, mas quem sabe futuramente.

    Beijos. =**

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Não conhecia esses livros, mas já fiquei curiosa para ler. A Rocco, com o selo Jovens Leitores, sempre me deixa curiosa sobre o que lança. Nesse caso, não foi nada diferente. Espero ter a oportunidade de conhecer essa série e já estou a anotando aqui para não esquecer!

    Abraços,
    http://literaleitura2013.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá, achei super interessante a protagonista não ser uma mocinha boazinha. Bom saber que esse terceiro livro trouxe um desfecho bacana pra trilogia. Já fiquei com vontade de ler.

    ResponderExcluir
  11. Adorei a resenha, eu tenho curiosidade em ler essa trilogia e a sua resenha me deixou com ainda mais vontade. Achei a capa desse volume maravilhosa e gostei muito da sua dica, espero ler os livros em breve.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Estou curiosa para conhecer a escrita dessa autora, pedi o livro da Arqueiro em parceria agora para fevereiro em que ela fala sobre o Batman, espero gostar e ainda vou arriscar nessa trilogia. Estou com vontade de ler mais do catálogo da Rocco e essa parece uma boa pedida apesar desse ser o terceiro livro e ter perdido informações anteriores.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  13. Nossa, eu fiquei arrepiada com a descrição da protagonista pela autora. Eu gostei muito da premissa desse último volume. Já tinha curiosidade pela série antes, mesmo não tendo lido nada da autora (não li Legend...), mas a sua resenha foi o ápice. Só não tenho como adquirir os livros no momento, mas com certeza estão na minha lista TBR.
    Bjos!
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Não conhecia e não despertou meu interesse pela leitura. Já curti muito o gênero, mas hoje não mais! Adorei sua resenha e levarei comigo a dica de leitura e passa-la para frente!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Ola
    Conheço a serie por nome, mas não tive a oportunidade de ler. Na verdade esse gênero estou me aventurando agora, mas gostei de tudo o que li. O fato da vilã ser a protagonista é diferente e interessante,e se o desfecho foi bom, então tem a minha atenção.
    Bjus

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Eu ainda não li nenhum livro dessa autora, mas eu leio tantos elogios para ela que morro de curiosidade de fazer essas leituras. Eu fiquei muito curiosa para conhecer Adelina, que é uma personagem que me encantou para caramba só pela sua resenha.
    Vou anotar a dica, para ontem!
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Olá!

    Eu não li nada da autora ainda, mas sua resenha me chamou muito a atenção, o fato de não ser um clichê e a personagem principal ser uma "vilã". Fiquei muito curiosa para conhecer essa história, já anotei a dica e prendo passar o primeiro livro da trilogia na frente de alguns que tenho para ler (não conte isso para ninguém).

    Beijos e Sucesso!!

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?
    Estou finalizando a trilogia Legend, amo a Marie Lu e estou louca por esta série, amo a premissa!
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Oii! Amo histórias com personagens fortes e que possuem uma história intensa, mas que nos deixam viciados e ansiosos para descobrir o fim dela. Amei a sua resenha e fiquei mais curiosa ainda para ler essa trilogia, essas edições ficam cada vez mais bonitas haha. Obrigada pela dica, bjss!

    ResponderExcluir
  20. Oi Amanda, como está?
    Ainda não tinha lido nenhuma resenha dessa última parte da trilogia "Jovens de Elite", mas sempre achei a proposta dessa série bem diferente e muito boa. Espero um dia gostar tanto quanto tu.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky
    http://galaxiadeideias.com
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Oi, Amanda ^^
    Marie Lu é minha autora favorita no gênero literário distopia. Com uma escrita impecável e desenvolvimento de enredo que só vejo ela ter destrincha com maestrias os seus personagens e olha que só li um livro dela até agora (Legend).
    Quando vi essa nova série ser iniciado confesso que não fiquei com a minha vontade pois a premissa me era nada estimulante, mas após ler suas impressões devo dizer que cometei um tremendo erro!!!
    São poucos os vilões pelos quais acabo gostando e geralmente eles são por seriados e não em livros. Não sei dizer se vou gostar da Adelina mas só lendo mesmo para descobrir.
    Acredito que ter um poder que somente é acesso por sentimentos ruins não é nada legal. Uma injustiça ter que ativá-lo assim.
    Parabéns pela resenha Amanda e por me abrir os olhos para ler essa trilogia o quanto antes!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  22. Embora não tivesse lido nenhuma resenha desse último livro da trilogia, vejo muitas fotos e comentários nas redes sociais, e pelo que vejo, a leitura divide opiniões. Fiquei feliz ao saber que gostou de realizar a leitura; e como sou fã de personagens controversas, já anotei sua dica. Leria essa trilogia com toda a certeza. Parabéns pela resenha e sucesso com seu blog. Um beijo.

    ResponderExcluir