(Resenha) O Jogo Perfeito - J. Sterling

Livro no Skoob: O Jogo Perfeito
Título Original: The Perfect Games
Trilogia: Games Series #1
Autora: J. Sterling
Editora: Faro Editorial
Páginas: 224
Ano: 2014

Conta a história de dois jovens universitários, Cassie Andrews & Jack Carter. Quando Cassie percebe o olhar sedutor e insistente de Jack, o astro do beisebol em ascensão, ela sente o perigo e decide manter distância dele e de sua atitude arrogante. Mas Jack tem outras coisas em mente ... Acostumado a ser disputado pelas mulheres, faz tudo para conseguir ao menos um encontro com Cass. Porém, todas as suas investidas são tratadas com frieza. Ambos passaram por muitos desgostos, viviam prevenidos, cheios de desconfianças, antes de encontrar um ao outro, (e a si mesmos) nesta jornada afetiva que envolve amor e perdão. E criam uma conexão tão intensa que não vai apenas partir o seu coração, mas restaurá-lo, devolvendo inteiro novamente.

Comecei a ler O Jogo Perfeito, pois gosto bastante desse estilo de leitura, repleto de universitários, jogos, muito drama, e um romance que sempre mexe com as nossas emoções! Mas quando comecei a ler percebi que aconteceu várias coisas que me deixaram com raiva do casal, mas prossegui a leitura e tentei entendê-los e saber o porquê de tantas decisões tomadas indevidamente que mexeram com os meus nervos de leitora que sempre está disposta a amar um clichê!

Cassie está na faculdade, e pretende se especializar em fotografia, ela divide apartamento com a melhor amiga, Melissa, as duas se conhecem desde a escola secundária, e juntas dividem as alegrias e tristezas da vida pessoal e acadêmica. Os pais de Melis sempre ajudaram Cassie tanto financeiramente como emocionalmente, já que os pais de Cassie não possuem dinheiro para gastos extras além da faculdade, e também por serem bastante problemáticos principalmente o pai, que nunca cumpre as promessas feitas para a filha.

É em uma das festas do grêmio, que Cassie conhece Jack Carter, astro do beisebol em ascensão da faculdade e o cara mais cobiçado por todas as estudantes existentes, sério, tirando Melissa que sabe muito bem a fama de mulherengo de Jack, e o seu costume de não sair duas vezes com a mesma garota, e ela faz questão de avisar a Cassie sobre esse garoto que com certeza é encrenca, porém os dois acabam se conhecendo nessa festa, e apesar de cortar de todas as maneiras as suas investidas subsequentes, Cassie percebe que fica cada vez mais difícil se livrar do charmoso e irritante Jack Carter.

Entretanto Cassie acaba aceitando sair com Jack, já que o mesmo informou que se os dois saíssem juntos ao menos uma vez ele a deixaria em paz para sempre, mas vocês nem imaginam o drama e o inferno que vai ser a vida desses dois para ficarem juntos. Foram acontecimentos dignos de uma novela mexicana, pois eles me irritaram, me deixaram feliz, e me irritaram novamente com suas atitudes absurdas tanto por parte dele como dela. E o que achei mais legal no livro foi que autora, em uma certa cena me pegou de surpresa, pois ultimamente estou acostumada com mocinhos como posso dizer ''certinhos'' demais, e aqui ela me mostrou que o Jack não é assim, ele possui fraquezas, e isso mexeu bastante comigo, pois no lugar da Cassie não sei como agiria depois do erro que ele cometeu. Como esses dois conseguirão ser felizes com tantas desavenças e traumas terríveis?

A narrativa da J. Sterling é envolvente, conseguiu me prender, mas preciso confessar que os acontecimentos nesse livro passaram rápidos demais, gostaria que o casal se conhecessem melhor, que tivessem mais histórias um com o outro, pra depois começarem a ter um relacionamento, é errado pedir isso? Os capítulos são intercalados entre os personagens, e isso é bom para nos dar uma noção das suas emoções, gostei também de conhecer o irmão de Jack, o Dean, que pareceu ser muito mais maduro que o Jack, talvez essa falta de amadurecimento e consciência do Jack seja devido aos seus traumas do passado relacionado a família, e que eu não vou contar.

O Jogo Perfeito é o primeiro livro da trilogia The Game Series, então com certeza tem muita coisa pra acontecer ainda, apesar que para mim poderia ser muito bem um livro único. Mas estou curiosa para saber o que me aguarda em Em Virando o Jogo pois a história desse casal complicado é difícil de largar, visto que ela é dramática, romântica e divertida na dose certa. Então aguardem as resenhas dos próximos livros, para saber o que a Cassie e o Jack andaram aprontando!

O JOGO PERFEITO foi cedido em parceria com a FARO EDITORIAL


Sobre a autora:

Jenn Sterling nasceu no sul da Califórnia e cresceu assistindo a jogos de beisebol do Los Angeles Dodgers e jogando softbol. Ela se formou em rádio, tevê e cinema, e trabalhou na indústria do entretenimento grande parte de sua vida. O jogo perfeito é o primeiro livro da trilogia The Game Series. 

6 comentários:

  1. Oie
    Também gosto deste tipo de enredo, pelos teus comentários o livro parece ser bom e é uma trama que me agrada, fiquei com vontade de ler.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Eli,
    Eu amo romances e este está na minha lista.
    Vejo vários elogios a série. Aliás, eu já tenho esse volume em ebook, mas queria o físico, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Gostei da resenha Eli. Não conhecia o livro, mas achei a história um pouco clichê e ainda não sei dizer se leria sim ou não. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  4. Olá, Elidiane.
    Diferente de você eu não gosto muito do gênero. E ainda mais com esses elementos que esse livro em especial tem porque tem vários outros que são muito parecidos com esses mesmo enredo. mas ainda assim eu me aventurei a ler essa trilogia e apesar de ter lido bem rápido, eu odiei esse casal. O garoto é um escroto e a mocinha fica lá aceitando tudo o que ele faz.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oi Eli! Ganhei esse livro faz um tempo em um sorteio e ainda não li. Gosto de histórias em ambiente universitário (acabei um livro assim hoje) e por isso ainda pretendo ler.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Oi, Eli!
    Não suporto essa capa hahhahah Deve ser por isso que nunca li o livro, mas amo um drama mexicano.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir