(Resenha) A Magia da Raposa - Inbali Iserles

Livro no Skoob: A Magia da Raposa (Foxcraft #1)
Título Original: The Taken Foxcraft #1
Série: Foxcraft #1
Autora: Inbali Iserles
Editora: Rocco
Páginas: 272
Ano: 2017
Destemidas, solitárias, trapaceiras, pouco confiáveis... Seja em fábulas ou ditos populares, o imaginário coletivo não tem sido muito generoso com as raposas. A inglesa Inbali Iserles, uma autora premiada e apaixonada por animais, convida os leitores a conhecer melhor esses seres incríveis com a série Foxcraft, uma emocionante trilogia de fantasia protagonizada por uma raposa filhote. Isla vive nos limites das terras dos sem-pelo (os humanos) e está começando a desenvolver suas habilidades. Um dia, ao retornar para sua toca, ela está em chamas e cercada por raposas estranhas. E sua família não está em lugar nenhum. Forçada a fugir, Isla escapa para o frio e cinza mundo dos sem-pelo e é caçada por um inimigo cruel. Para sobreviver e encontrar sua família, Isla precisará dominar a antiga arte das raposas – poderes mágicos conhecidos apenas por elas – e desvendar os segredos da Foxcraft.

Me apaixonei pela capa desse livro assim que o vi e não me contive de curiosidade para começar a lê-lo, raposinha (ruiva) que sou, não pude deixar de conhecer a história da Isla e embarcar com ela nessa aventura repleta de perigos e descobertas! A Magia da Raposa, publicado pela Editora Rocco, pelo selo Jovens Leitores é um livro que nos leva a um mundo mágico e cheio de encantos.

Logo no início conhecemos a Isla e seu irmão Pirie, e não tem como não se sentir dentro da pele da personagem, sem trocadilhos. Ambos os filhotes são cheios de vida e como todo filhote, cheios de vontade de explorar, mesmo sabendo dos avisos dos pais com relação aos locais que não devem ir. E logo nas primeiras páginas, nos deparamos com acontecimentos que irão separar Isla de sua família! E imaginem o que pode ocorrer com uma pequena raposa filhote perdida em um mundo cheio de perigos? 

Em busca de sua família, Isla sabe que o perigo à espreita, e com raposas estranhas e más vagando em sua antiga toca ela não pode se arriscar ser pega, e foge para um local onde perigos se escondem, como os sem pelos, seres estranhos que andam em duas pernas, esmagadores, e os canais da morte, mas Isla é esperta e vai usar toda a sua astúcia para encontrar sua família e descobrir o que aconteceu.


"O Grande Grunhido era um labirinto encardido de cercas e passagens sem saída ,de redes e cabos afiados como garras. Os sem-pelo gostavam de suas paredes."

Durante os primeiros capítulos me vi bem curiosa com os acontecimentos sobre a família da Isla, e o mistério por trás do desaparecimento deles, mas quando ela chega a cidade, o ritmo caiu um pouco pois não acontecia muita coisa nova além das perseguições a Isla, porém com a chegada de novos personagens e a descoberta da Foxcraft, uma antiga magia das raposas, Isla descobre que há muito mais mistério que ela precisa desvendar.  

A autora construiu um mundo muito rico, onde os animais tem suas próprias sociedades, anciões, magias, lendas e tradições, e foi bem legal ver que mesmo que eles se comuniquem entre si, não conseguem nos entender. Como o livro é voltado para um publico mais infantil a leitura é muito leve e a autora se demora um pouco para explicar como tudo funciona, mas sendo este o primeiro livro de uma trilogia ainda resta muitas coisas a serem descobertas, no final descobrimos os motivos do desaparecimento da família de Isla, mas a raposinha ainda terá um longo caminho até encontrá-los.

O livro é um capricho que faz gosto! Não tem como não olhar para ele e não achar a coisa mais linda! A arte tanto da capa quanto das imagens que vem em cada novo capítulo ficou incrível, e ainda contamos com um mapa e também um glossário para facilitar a leitura e acompanharmos a Isla. É um livro que recomendo muito para os jovens leitores, pois tenho certeza que irão amar!

A MAGIA DA RAPOSA (FOXCRAFT #1) foi cedido em parceria com a EDITORA ROCCO



Sobre a autora:

Imagem relacionada

Inbali Iserles é uma autora premiada e uma intensa adoradora de animais. Ela faz parte do time de autores por trás da série Survivors, bestseller do The New York Times, que escreveu sob o pseudônimo de Erin Hunter. Seu primeiro livro, The Tygrine Cat, venceu o prêmio Calderdale Children’s Books of the Year na Inglaterra. Inbali mora em Cambridge, Inglaterra, com sua família, incluindo seu principal mascote de escrita, Michi, que parece uma raposa-do-ártico e age como um gato, mas na verdade é um cachorro.


24 comentários:

  1. Olá, que livro mais fofo estou descobrindo vários livros lindo da editora Rocco que não conhecia. Realmente essa capa chama muita atenção é belíssima.

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. realmente a capa eh mt bonita e um amorzinho
    e vou te falar, n me interessei pela historia nao, a historia parece ser legal e tals kkk, mas n faz meu estilo e nem c sua resenha positiva me deu vontade de ler kkk

    perolasdelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Achei as suas considerações bem interessante e mesmo sendo uma fantasia que é um gênero que pouco leio se tiver uma oportunidade lerei só pra saber mais da aventura dessas rapozinhas.
    Bom saber que a Rocco tem investido cada vez mais em livros lindinhos assim!
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Pelo que você conta o livro parece ser encantador, a sinopse já é bem interessante.
    E a capa é realmente muito bela!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Janiele!
    A capa é realmente um amor! O livro parece ser querido, mas não infanto dificilmente me agrada :/ Que bom que você curtiu o livro!

    bjs
    Queria Estar Lendo

    ResponderExcluir
  6. Num primeiro momento, achei que era um livro bem infantil, mas lendo a sua resenha, acho que não é tão infantil quanto eu imaginava...
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  7. Eu também me apaixonei pela capa desse livro, ainda não o li mas tenho muita curiosidade. Gostei de conferir a sua opinião sore a obra e parece ser uma leitura agradável.

    ResponderExcluir
  8. Oie
    Realmente esta capa está maravilhosa, e mesmo sendo um livro mais para um público juvenil, eu fiquei bem interessada.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá, Janiele.
    Eu achei essa capa um arraso e a edição parece estar linda mesmo. Mas a história não me chamou tanto a atenção. Eu não sou muito fã de livros com animais, até gosto de alguns de cachorros, mas esse eu acho que não me agradaria. Mas vou repassar a dica para minha sobrinha.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  10. Ahhh, que livro lindo! A história me interessou bastante, curto ler algo com uma pegada mais infantil de vez em quando. Adorei a sua resenha também!
    beijos

    ResponderExcluir
  11. Eu vi esse livro agora a pouco no Facebook e já me apaixonei por Isla. Fiquei com dó por saber que ela ficara sozinha. Espero poder ler, pois achei lindo esse livro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi! Que mimo de livro esse *-*
    Logo que lançou já fiquei com vontade de ler, e agora com sua resenha reforçou minha vontade hehe
    Realmente sempre se tem a ideia da raposa com uma criatura vilã, traiçoeira, e acho legal explorar esse lado frágil delas...
    Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  13. Oi! Eu achei a história bem fofa e diferente em alguns aspectos. Gostei bastante, embora seja mais indicada para o leitor mais jovem.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  14. Sua resenha é tão fofa quanto a história deve ser.
    É a primeira vez que leio algo sobre este livro, e achei fascinante. Livros recomendados para leitores mais jovens, me agradam muito porque acabam sendo desenvolvidos com leveza.
    Adorei sua resenha!
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  15. Gostei da resenha Janiele. Me pareceu ser uma fábula encantadora, sem contar que a capa do livro é linda. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia a autora, nem a sua obra. Fiquei bastante interessada, com certeza é um livro que indicarei para a minha irmã (11 anos).
    Achei a capa linda!!

    https://estantedakahofc.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi Janiele,
    Que pena que o livro perdeu o ritmo.
    Eu desanimo muito de continuar a leitura, afinal, a tendência seria aumentar os acontecimentos e não diminuir, né?
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi, Jani!
    Já tinha lido uma resenha sobre esse livro e achei ele mega diferente das propostas que vemos por ai. Só não sei se o leria, por me parecer tão infantil, afinal é feito para crianças. No entanto, a edição tá linda e não descarto a possibilidade de lê-lo.

    ResponderExcluir
  19. Oi Jani! Também me apaixonei pelo livro só de olhar essa capa! E além da arte linda gostei do enredo e do universo criado! Já quero comprar meu exemplar! <3 Excelente resenha!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  20. Oi! A capa do livro é linda. E achei diferente, pois a protagonista é uma raposa rsrs vou adicionar na minha lista. Bjos ❤

    Click Literário

    ResponderExcluir
  21. oi. achei a capa fofa e juvenil, bem como a história. O desaparecimento da família de Isla e como será resolvido, parece bastante empolgante, agora, o que mais chamou minha atenção foi a questão dos animais e a sociedade deles, quero saber como funciona isso

    ResponderExcluir
  22. Acho essa capa linda, e estou bem curiosa para fazer a leitura.
    Adorei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Olá,
    Quando vi esse livro, quase babei com essa capa. Amo tramas que apresentem animais e ainda não li nada (que eu lembre no momento) que tenha sido narrado por algum deles, ainda mais sendo uma raposa. Isla parece ser encantadora e estou bem curiosa para saber mais sobre a Foxcraft e como toda essa sociedade de raposas foi construída e desenvolvida.
    Amei o cãozinho dela que age como um gato e parece uma raposa-do-ártico. Quero para mim!!!

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  24. Que legal! Não é muito o tipo de livro que eu leio, mas por ver a capa e ler este post fiquei interessada. Beijos.

    ResponderExcluir