(Resenha) A Fúria e a Aurora - Renée Ahdieh

Livro no Skoob: A fúria e a aurora #01
Título Original: The Whath and The Dawn
Autora: Renée Ahdieh
Editora: Globo Alt
Páginas: 336
Ano: 2016
Personagem central da história, a jovem Sherazade se candidata ao posto de noiva de Khalid Ibn Al-Rashid, o rei de Khorasan, de 18 anos de idade, considerado um monstro pelos moradores da cidade por ele governada. Casando-se todos os dias com uma mulher diferente, o califa degola as eleitas a cada amanhecer. Depois de uma fila de garotas assassinadas no castelo, e inúmeras famílias desoladas, Sherazade perde uma de suas melhores amigas, Shiva, uma das vítimas fatais de Kalid. Em nome da forte amizade entre ambas, Sherazade planeja uma vingança para colocar fim às atrocidades do atual reinado. Noite após noite, Sherazade seduz o rei, tecendo histórias que encantam e que garantem sua sobrevivência, embora saiba que cada aurora pode ser a sua última. De maneira inesperada, no entanto, passa a enxergar outras situações e realidades nas quais vive um rei com um coração atormentado. Apaixonada, a heroína na história entra em conflito ao encarar seu próprio arrebatamento como uma traição imperdoável à amiga. Apesar de não ter perdido a coragem de fazer justiça, de tirar a vida de Kalid em honra às mulheres mortas, Sherazade empreende a missão de desvendar os segredos escondidos nos imensos corredores do palácio de mármore e de pedra e em cenários mágicos em meio ao deserto. 

Sabe aquela sensação de terminar um livro e ainda não se dar conta do que aconteceu? É aquela velha frase: Meus Deus o que está acontecendo? A Fúria e a Aurora foi um livro pelo qual eu não dava nada e só li porque Elidiane não parava de falar nele, fiquei pensando que uma recontagem do conto Mil e Uma Noites não seria algo que me chamasse a atenção, mas tenho que morder a língua e vir aqui me debulhar em lágrimas pois o próximo livro só sai ano que vem! Esse livro tem uma leitura tão, mas tão boa que fiquei toda me tremendo ao chegar ao final, e olhando para as palavras sem saber o que pensar.

A Sherezade (Shezi) é uma personagem extremamente forte, que já chega mostrando para que veio, seu objetivo é um só, se vingar do homem que levou a vida de sua melhor amiga, e de tantas outras jovens do reino. Khalid é um jovem rei misterioso, que por algum motivo matou todas as suas esposas ao nascer do sol, porém não sabemos quais os seus motivos, e quando conhece sua nova esposa ele encontra algo diferente em seu olhar, o ódio que ele viu ali, a determinação que ela transmitia, ele sabia que nada mais seria igual depois dela.
"Viverei para ver o por do sol de amanhã. Não se deixe enganar. Juro que viverei tantos pores do sol quanto for necessário. E eu o matarei. Com as minhas próprias mãos."
A determinação de Sherezade em se vingar de Khalid, é tão grande que ela irá arriscar a própria vida, tornando-se a esposa dele, mas como ela irá escapar da morte quando tantas outras sucumbiram a aurora? Como sobreviver a esse Rei, que esconde tantos mistérios, e tem fama de ser um cruel assassino? A cada noite uma nova história, e Shezi vai descobri que seu marido esconde muitos segredos, e que ela corre o risco de perder o seu coração para esse belo monstro.

Enquanto isso, tramas se desenrolam paralelamente a história do casal, traições, e planos que podem afetar o jovem Rei, pelo qual junto com Sherezade vamos nos apaixonando pouco a pouco. O livro se passa ambientado no deserto, e os detalhes são muito bem construídos, desde os locais até as características dos personagens, seus traços árabes, suas peles douradas e olhos de avelã, é quase como se estivéssemos lá, sentindo o vento do deserto sob o calor do sol.

Queria  poder falar de tantas coisas que amei nesse livro, mas não posso! Cada capítulo é uma surpresa, é uma montanha-russa de emoções, e descobrir isso é tão prazeroso que por mais que eu queira falar, será muito melhor vocês descobrirem e sentirem o que eu senti (assim espero).

Esse é o tipo de livro que nos deixa feliz por sermos leitores, que nos enche de alegria, euforia e uma vontade louca de sair falando para todo mundo ler, e eu me pergunto por que eu não li antes? A leitura foi tao gostosa que eu não consegui parar, em uma única tarde eu estava fadada a paixão desenfreada, que me deixou sem fôlego e ansiando pela continuação com um desejo desesperado que a muito eu não conhecia.

Se ainda não leram eu recomendo com todas as forçam lerem A Fúria e a Aurora e se apaixonarem por essa coisa linda que ganhou meu coração e tomou conta dos meus pensamentos! E se você já leu, me conta se amou tanto quanto eu (ou não), vai ver eu que surtei geral, mas eu não esperava me apaixonar tanto e até o momento estou tentando encontrar as palavras para poder passar a vocês o êxtase de sensações que o livro me causou.

Deixar esses quotes maravilhosos aqui só para vocês ficarem na vontade!
"É um castigo merecido para um monstro. O de querer tanto algo... de ser capaz de tê-lo em seus braços... e saber sem sombra de dúvida que nunca vai merecê-lo"
" Eu sei que o amor é frágil. E amar alguém como você é quase impossível.  Como segurar algo quebrado durante uma tempestade de areia feroz. Se você quer que ela o ame, proteja-a dessa tempestade.... E cuide para que a tempestade não seja você."

Sobre a autora:




Renée Ahdieh mora na Carolina do Norte com o marido Victor e o cão Mushu. Seu romance de fantasia jovem adulto ''A Fúria e a Aurora'' está disponível onde os livros são vendidos. Sua sequência , ''The Rose and the Dagger'' foi publicado em Abril de 2016. Em seu tempo livro Renée gosta de cozinhar, dançar salsa e causar estragos na vida de seus personagens. 

14 comentários:

  1. Oi Janiele,

    A capa desse livro me chamou a atenção, mas eu não achava que ele tratava de uma coisa completamente diferente. Gostei da resenha e quando fiz minha monografia sobre contos de fadas, estudei esse em especifico, que foi uma das primeiras narrativas que se tem conhecimento. Muito legal a autora ter pegado algo tão diferente e antigo.

    Bjs, @dnisin
    www.sejacult.com.br

    ResponderExcluir
  2. Adoro quando livros vão nos surpreendendo de capítulo em capítulo, tornando toda a leitura algo maravilhoso.
    Pela sinopse e capa, não daria uma chance. Porém, sua resenha me fez olhar para a obra de outra forma.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de agosto. Serão dois vencedores e um deles levará um vale compras!

    ResponderExcluir
  3. Pela sinopse não me chama muita atenção, mas sua resenha me deixou muito curiosa. Já li algumas resenhas dele, mas a sua está perfeita.

    www.donadegato.com
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oiiieee

    Eu amei tanto esse livro. No começo demorou pra me prender, cheguei até a pensar que iria me decepcionar, mas depois a história vai prendendo, envolvendo a gente, e quando conhecemos mais do Khalid fica impossível deixar. Estou ansiosa pra ler a parte final dele.

    Beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  5. Minha nossa, eu nem em sonho imaginava que este livro fosse assim tão forte, um romance atípico. Pelo visto é uma obra rica em detalhes e com uma trama impecável. Se quero ler? Lóooogico!

    Bj, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Janiele!

    Eu já estava com vontade de ler, agora então mais ainda! Adoro a história de Mil e uma noites e ao que parece vou devorar o livro rs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Oie Janiele =)

    Só li resenhas positivas desse livro até agora e estou bastante curiosa para conhecer a história. Desanima o fato de ser série, mas pelo visto não conseguimos escapar delas né rs... Espero não me decepcionar.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  8. Oi Janiele,
    Esse é um livro que já está na minhas listinha! Preciso arrumar um tempinho para ler ele.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  9. Que resenha mais apaixonada Janiele! Além de se tratar da releitura de um belo clássico, o livro ser muito especial e encantador. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Janiele!
    Não lembro de já ter lido alguma resenha desse livro antes. A sua certamente é cativante, rsrs. Que bom que foi uma uma surpresa tão positiva. São poucos os livros que nos arrebatam dessa maneira.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Janiele,
    Esse livro me despertou muito interesse apenas pela sinopse.
    A capa delicada também me chama a atenção. Ser seu favorita então...
    Estou louca para ir atrás dessa leitura.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Amo a capa desse livro, mas não animei nada para ler ele. Acho que minha resenhista leu e acabou não amaaaando tanto, mas enfim fico contente que tenha te agradado.
    Beijos
    Estilhaçando LivrosCantar em Verso

    ResponderExcluir
  13. Oi, Janiele!
    Eu não conhecia o livro, mas fiquei mega interessado! Parece ser uma leitura pra lá de envolvente e gostosa. Provavelmente irei curtir a leitura e não me decepcionarei (espero).
    Eu sei bem como é gostar muito de uma história e não saber expressar coerentemente seus sentimentos pela mesma. Hehe
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Eu que já estava louca pra ler, depois dessa resenha então estou desesperada, rs. Estou começando a gostar bastante de histórias desse tipo, que se passam pelo deserto. Com certeza esse livro será a minha proxima leitura :)
    Beijos

    Um Unicórnio Literário

    ResponderExcluir