Trono de Vidro (Rainha das Sombras Vol. 04) - Sarah J. Maas

           SKOOB: Rainha das Sombras Vol 04
           ORIGINAL: Queem of Shadows
           SÉRIE: Trono de Vidro
           AUTORA: Sarah J. Mass
           EDITORA: Galera Record
           PÁGINAS: 644
           ANO: 2016

Todos que Celaena Sardothien amou lhe foram tirados. Mas finalmente chegou a hora da retribuição. A vingança promete ser tão dura quanto o aço da Espada de Orynth — a espada de seu pai. Finalmente Celaena retornou ao império; por justiça, para resgatar seu reino e confrontar as sombras do passado.
A assassina está morta. Ela abraçou a identidade de Aelin Galathynius, rainha de Terrasen. Mas antes de reclamar o trono, precisa lutar. E ela vai lutar. Por seu primo, a Puta de Adarlan, o general do Norte... um guerreiro preparado para morrer por sua soberana; por seu amigo Dorian, um príncipe preso em uma inimaginável prisão; por seu povo, escravizado por um rei cruel e à espera do retorno triunfante de sua líder; por seu carranam e a libertação da magia.
Ao avançar em seu plano, no entanto, Aelin precisa tomar cuidado com velhos inimigos. E abrir o coração para novos e improváveis aliados. Tudo isso enquanto os valg continuam trabalhando nas sombras. E Manon Bico Negro, a Líder Alada das Treze, treina suas bestas voadoras. Mas é de Morath, a fortaleza montanhosa do Duque de Perrington, que uma ameaça como nenhuma outra promete destroçar seu grupo de rebeldes e sua corte recém-formada. 
Essa resenha contém SPOILERS dos livros anteriores!


Bitch im back! Vocês não imaginam minha alegria ao escrever essa resenha!

Mais uma vez venho falar de meu amor por essa série maravilhosa e essa autora que ganhou meu coração por esse mundo incrível que é Trono de Vidro, e Rainha das Sombras veio para mostrar que Sarah J Maas é uma das melhores escritoras do momento.

Em Rainha das Sombras, temos Aelin/Celaena de volta a Andarlan e dessa vez ela tem contas a acertar, e não vai descansar até ter enterrado seu passado sem se importar com alguns corpos pelo caminho. A estória começa com Aelin traçando seus planos de vingança contra aqueles que a feriram no passado, mas como tudo em sua vida nada sai como o esperado e ela terá que lutar mais uma vez para salvar seu primo Aedion, preso no castelo de vidro prestes a ser executado pelo rei.

O livro se torna muitas vezes um labirinto que temos que percorrer para encontrar respostas, nada do que Aelin faz é sem motivos e ver as peças sendo encaixadas me deixaram surpresa em vários capítulos, pela inteligência e estratégia que ela usa. Não mais uma assassina, mas sim uma Rainha poderosa e implacável, não perdemos tempo assistindo a transição de Celaena para Aelin, ela sabe quem ela é, e vai atear fogo ao mundo para ter aquilo que quer. Uma das coisas que mais me prenderam na trama é a forma como autora cria caminhos e entrelaça histórias, e é fascinante observar tudo isso, pois quando vemos o resultado, quando tudo se junta e pensamos UAU como eu não vi isso antes? 


Celaena é uma personagem extremamente inteligente e para alcançar seus objetivos sempre tem tudo muito bem planejado e ver como sua mente funciona nos deixa preso, querendo mergulhar no livro e ver como tudo irá se desenrolar. Alguns pontos que achei necessário destacar, é o relacionamento da Aelin com o Chaol, quem não teve seu coração partido ao ver seu casal favorito ir por água a baixo? Vi muita gente reclamando que a autora acabou com o relacionamento dos dois apenas para empurrar goela abaixo o Rowan para os leitores, mas se prestarmos atenção vemos que as decisões tomadas pelos dois acabam por fazer com que o relacionamento míngue:

[...]Mas onde estão os controles contra o seu tipo? Ferro? Não muito de um impedimento, é? Uma vez que a magia ficar livre, que é parar os monstros de sair de novo? Quem vai parar você?Uma lança de gelo atravessou seu coração.Monstro.[..] Sim, sempre precisariam de verificações contra qualquer tipo de poder, mas contra um... MonstroEla desejou que ele a golpeasse uma vez.

Aedion foi uma surpresa muito agradável, muitos achavam que ele seria mais um interesse amoroso para Aelin, mas a autora nos mostra um relacionamento quase de irmãos, os dois primos são ótimos juntos e nos presenteiam com cenas lindas.
E quando ambos tinham acabado de contar suas histórias, quando suas almas estavam drenadas pelo luto — mas douradas com crescente alegria —, ela se aninhou em frente a Aedion, seu primo, seu amigo.Eles haviam sido forjados do mesmo minério, dois lados do mesmo ouro, moedas e cicatrizes.''
E quem não ficou com um pé atrás com a Lysandra? Ela se tornou uma das minhas personagens preferidas no livro e espero que ela participe mais no próximo volume da série. No livro anterior conhecemos as Bicos Negros, e Manon (bicha destruidora mesmo!) tem um papel muito importante nesse livro e seu encontro com a Aelin foi simplesmente épico, e ver essas duas em ação me deixou eufórica! Não podia deixar de falar sobre a Elide, ela é filha da Marion (aquela que ajudou Aelin a fugir quando criança) e sua participação foi pequena, porém tudo indica que ela terá um papel muito importante nos próximos livros.

Por último e não menos importante Rowan, para quem leu a resenha anterior deve ter percebido que eu achei ele um chato, e sei que disse que era 100% TeamChaol mas gente tenho que morder a língua e admitir que sim, também não resisti aos seus encantos! O relacionamento dele com a Aelin não é bem o que chamamos de romântico, como seu Carranam (quase um parabatai?) os dois tem um laço quase sagrado e ele fez um juramento de sangue onde promete protegê-la e servi-la em sua corte, mas a tensão sexual entre os dois vai crescendo e quase podemos cortar com uma faca de tão densa, tia Sarah facilita pra gente, né?

Tive que ler esse livro três vezes antes de começar essa resenha, e confesso que fiquei um longo tempo apenas encarando a tela do computador sem saber o que escrever, minha experiência com o livro foi arrebatadora, apaixonante e outros adjetivos que nem mesmo sei escrever, mas enfim o que amo na história da Celaena é que temos uma protagonista forte que mesmo tendo que enfrentar um inferno atrás do outro ela sempre vai está lá de pé, de queixo erguido, lutando por aquilo que acredita, pelas pessoas que ama, e isso me inspira a ser mais persistente a lutar por aquilo que quero, e sempre que viajo pelas páginas desse livro me sinto livre para ser minha própria Celaena.


Melhor quote:
 Então ela sorriu com cada último pingo de coragem, de desespero, de esperança para o vislumbre de um futuro glorioso. —Vamos sacudir as estrelas.


SOBRE A AUTORA:




Sarah J. Maas vive no sul da Califórnia, gosta dos filmes da Disney e música pop. Ela adora contos de fadas e balé, bebidas de café, e assistir programas de TV. Quando ela não está ocupada escrevendo romances de fantasia YA, gosta de explorar a costa da Califórnia.






22 comentários:

  1. Bom dia!!!
    Eu tinha o primeiro volume desta série (ou trilogia) mas acabei trocando e logo depois me arrependendo por ver tantas resenhas elogiando todos os livros, sniff.

    Beijo, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não acredito que você trocou! os meus eu guardo com muito carinho <3

      Excluir
  2. Olaaa! Ainda não li o terceiro e quarto livro da série, pois estava esperando o lançamento deste. Fiquei triste em saber que não temos mais do relacionamento do nosso shipper hahaha. Mas juro que até agora, podem falar e falar que Rowan vai cair nos meus encantos, não comecei ainda, porque muitas pessoas ficam falando que eles tem uma química e tals, mas não consigo aceitar, por mim na minha visão, como ela é uma assassina guerreira poderia ser livre! Adorei sua resenha, apenas aguçou ainda mais minha expectativa de ler estes dois livros!!

    Beijão da Lari!
    Brilliant Diamond |Fan Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lari, eu gosto muito da personagem não se prender a nenhum relacionamento, ela é sim livre e dona de sí mesmo tanto que os "casos" que aparecem na serie não interferem nos objetivos dela, e o Rowan.. bem veremos até onde eles irão né..

      Excluir
  3. Oi, oi!
    Eu tenho ouvido falar bastante sobre esse livro, e sua resenha me fez querer lê-lo ainda mais, só ando com preguiça de ler séries ultimamente, no máximo trilogias. Adorei a resenha!
    Beijos!
    Borboletas de Papel | Fanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar de ser uma série a leitura não é cansativa, os livros são tão bons que me mata esperar as continuações rs

      Excluir
  4. Olá,
    Eu ainda não li nada da autora, mas morro de vontade de ler. Meus sobrinho tem os três primeiros livros dessa série e vou pedir emprestado. Nossa você leu três vezes o livro antes de resenhar, deve ser muito bom mesmo. É tão legal quando a série mantem a qualidade da história, porque isso é raro de acontecer ultimamente.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil, a série além de manter a qualidade melhora, isso sim que é bom de ver, o crescimento da autora e da história! não perde tempo e pega logo os seus. Bjs

      Excluir
  5. Oi meninas!

    Eu não acompanho a série, mas sempre, sempre, leio resenhas positivas sobre os livros. Uma experiencia arrebatadora não é pra qualquer livro não! Fico morrendo de curiosidade pra conhecer a narrativa da autora, uma hora eu consigo ler!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi, que pena que você ainda não leu, mas não perde tempo amiga! corre logo conhecer a Cel. Bjs

      Excluir
  6. Gostei da resenha. Já li os dois primeiros volumes dessa série e curti bastante. Mal posso esperar para ler a sequência. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa, não perde tempo e corre ler os outros!

      Excluir
  7. Oie Amanda =)

    Só leio resenhas boas dos livros dessa série, mas ainda não tive a oportunidade de ler. Morro de curiosidade e pretendo conhecer a história em breve, ou assim que terminar uma das várias séries que estou lendo rs...

    Beijos e um ótimo final de semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ane, obrigada pela visita, eu demorei um pouco a ler o primeiro livro por que tenho receio de ser mais uma modinha, mas a série é muito, muito boa mesmo!

      Excluir
  8. Olá, Janiele.
    Como gosto de personagens fortes e inteligentes, acredito que adorarei a Celaena. Ela parece ser genial.
    Adorei a premissa da obra. Daria uma chance.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! a Celaena é uma personagem de muita personalidade, da uma chance pra ela!

      Excluir
  9. Oi
    que bom que adorou a leitura, eu tenho curiosidade de ler, falam muito bem desse livro e a sua resenha foi tão empolgante, parece ser uma leitura bem envolvente;

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise, a leitura é realmente muito boa, espero que leia em breve! Bjs

      Excluir
  10. Olá meninas, tudo bem?

    Estava aqui lendo a resenha e me identificando com tudo. Até deu pra imaginar os dedinhos frenéticos escrevendo cada palavra, querendo colocar pra fora toda a tensão e angústia que esta série desperta. Gente, como eu sofro lendo trono de vidro! Uma das melhores leituras dos últimos tempos, Sarah é para mim também uma das autoras mais consagradas da atualidade. Uma gênia. Escreve de tal forma que mesmo sem a gente se dar conta, as coisas acontece. E depois, ela esfrega tudo na nossa cara como se quisesse mostrar que tudo aconteceu debaixo dos nossos narizes e não fomos capazes de perceber. Porque é difícil perceber. È difícil sequer cogitar algo. Tudo é instável e maluco.
    E eu confesso que também sofri com o término de Aelin e Chaol, mas de fato o relacionamento foi minguando..>Ela, sendo quem é, precisa de alguém que a entenda, que a aceite, que não a tema. Chaol não é este homem. Sabemos quem é, né?77Beijos! Amei a resenha! rs

    http://revelandosentimentos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kris, ahh como é bom encontrar alguém que pensa como a gente! não tem como não amar a série, a gente sofre, chora, ri e se apaixona e tudo isso nos transporta para dentro do livro! Muito obrigada pela visita! beijão.

      Excluir
  11. Oi! Eis aqui mais uma fã dessa série. O engraçado dela é que o 1° livro é só a pontinha do iceberg e não nos dá ideia de quão excelente ela é. Pra mim os livros ao contrário de outras séries só melhoram. Desculpe, mas eu nunca fui teamChaol prefiro que Aelin fique c/o Rowan, embora eu ame d+ o Dorian vendo-o sofrer horrores nesse 4° vol então... Posso dizer que o príncipe se tornou meu calcanhar de Aquiles, mas é melhor não falar dele já que pra mim ele é o spoiler mor do livro. Vários personagens foram maravilhosos, mas Manon Bico Negro divou! (super shippo ela e um certo alguém) e o destino da líder alada é o que me deixa mais curiosa já que ela se encontra em um dilema e tanto. ótima resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vanessa, também shippo a Manon com vc sabe quem... hehehe é incrivel ver como a série vai crescendo, não dei muito credito ao primeiro livro, mas é como uma sonfonia que vai aumentando cada vez mais até chegar a seu ápice. Beijos.

      Excluir