A Redenção de Gabriel, de Sylvain Reynard

           SKOOB: A Redenção de Gabriel
           ORIGINAL: Gabriel's Redemption
           TRILOGIA: Gabriel's Inferno - Livro 3 
           AUTOR: Sylvain Reynard
           EDITORA: Arqueiro
           PÁGINAS: 432
           ANO: 2014



Depois do escândalo em que se viram envolvidos em Toronto, Gabriel e Julia se casaram e se mudaram para Massachusetts, onde ele dá aula na Universidade de Boston e Julia faz doutorado em Havard. Agora ela precisa provar que não vive à sombra do marido famoso. Mas parece que Gabriel não está pronto para ver a esposa caminhar com as próprias pernas. Além disso, as coisas entre eles não vão muito bem. Isso porque Gabriel está ansioso para ter um filho, mas Julia quer concluir o doutorado primeiro. Para ver realizado seu sonho de formar uma família, Gabriel terá que enfrentar fantasmas do passado. Será ela capaz de fazer isso? E será que a generosidade de Julia resistirá à ameaça de ver arruinada a carreira que ela tanto se esforçou para construir? "A Redenção de Gabriel" é o desfecho brilhante dessa trilogia que arrebatou leitores no mundo inteiro. 

Pois é gente tudo que é bom chega ao fim, e com a minha trilogia mais querida dos últimos tempos não podia ser diferente, não é exatamente um adeus pois já sei que Gabriel irá fazer algumas aparições no próximo livro de Sylvain Reynard, mas mesmo assim não será a mesma coisa, então estou feliz por ter lido essa história e triste porque acabou.

Em A Redenção de Gabriel temos uma espécie de complemento da história desses dois, é quase um depois do “E foram felizes para sempre...” esse casal passou por muita coisa até poderem finalmente ficar juntos e casarem-se, mas e depois, será que tudo passou a ser as mil maravilhas? O autor(a) admitiu de tudo terminaria em o Julgamento de Gabriel, mas é claro que nós leitores não poderíamos ficar satisfeitos com isso, então ele nós presenteou com A Redenção de Gabriel, obrigada Sylvain.

Finalmente juntos e casados Julia e Gabriel passam a levar uma vida rotineira juntos, mas alguns conflitos começam a surgir, Gabriel é um especialista em Dante e sabe que é bom nisso, então ele passa a querer influenciar Julia na sua pesquisa, que em contra partida não está disposta a abrir mão das suas ideias, a situação piora quando Julia é convidada para dar uma palestra, pois não será fácil para ela expor sua tese com algumas tiradas bem ousadas, e nem para Gabriel ver sua esposa discordando dele publicamente.


Outros conflitos passam a surgir, sobre se eles devem construir uma família e qual será o melhor momento para isso já que Julia está no início do seu doutorado. Gabriel não pode ter filhos naturais, e precisa tentar com o seu médico alguma forma de reverter a Vasectomia que fez assim que ele perdeu Maia, porem ele também tem um grande desejo de adotar uma criança. Mas será que Gabriel está realmente pronto para construir uma família, ter filhos novamente?

E com o objetivo de construir uma família com Julia ele precisa e vai enfrentar o seu passado, saber mais sobre a família do seu pai biológico, conhecer alguns parentes, fazer descobertas inesperadas sobre eles e Gabriel começa a questionar o quanto das suas lembranças são verdadeiras, ou foram fruto da sua imaginação, será que ele é capaz de perdoar e seguir em frente?

"- O perdão é libertador. Ele serve tanto para você quanto para eles.
Gabriel se afastou dela.
- Não posso perdoá-los. Ele não merecem.
- Quem merece perdão, Gabriel? Você? Eu?
- Você, com certeza.
- Além de Deus, as únicas pessoas que podem me perdoar são as que fiz sofrer. Esse é o poder que nós temos. Podemos usá-lo para o bem, para perdoar quem nos fez mal. Ou podemos usá-lo para nos agarrarmos a velhas mágoas e feridas, que dessa forma nunca se fecharão."

No livro também iremos conhecer o desfecho da história de alguns personagens secundários como Paul, Christa, Natalie e Simon. Vemos o pai de Julia, Tom reconstruindo a sua vida. Acho que Sylvain fez muito bem em satisfazer a nossa curiosidade com relação aos outros personagens.

O livro continua com aquela carga de ensinamentos sobre fé, amor, perdão e principalmente esperança. 

“- Eu falei a ele que a maior das virtudes não é a caridade, é a esperança. Conheci a caridade com Richard e Grace, mas também com você. E ela me ajudou a atravessar dias muito sombrios. E também descobri a fé, quando estive em Assis. Mas, sem esperança, não estaria aqui. Eu teria dado um fim à minha vida. Sem a intervenção divina na forma de uma adolescente em um pomar na Pensilvânia, eu estaria no Inferno (...)”

As declarações de amor de Gabriel para Julia continuam como sempre lindas, não tem como não se apaixonar por ele.

“- Todas as noites, antes de dormir com ela nos meus braços, agradeço a Deus por ela ser minha. Todas as manhãs, ao acordar, a primeira coisa em que penso é como me sinto grato por ela ter se casado comigo. Jamais serei digno dela. Mas passo todos os meus dias fazendo o melhor que posso por ela (...)”

E eu não podia estar mais feliz com o desfecho dessa história, a leitura foi deliciosa, tivemos a presença de um narrador desconhecido que fazia alguns comentários muitas vezes sarcásticos, o que deixou a leitura mais leve e divertida, o final do livro foi tenso, mas faz parte. Se você também é apaixonado por Gabriel e ainda não leu A Redenção de Gabriel, não perca tempo e corra para comprar logo o seu, ou consiga emprestado, o que você não pode é deixar de ler.

“Você nunca foi apenas minha namorada, Julianne. Você era o meu amor. E continuamos sendo um o amor do outro.”


A REDENÇÃO DE GABRIEL foi cedido em parceria com a EDITORA ARQUEIRO

SOBRE O AUTOR:
Quase nada foi divulgado sobre a verdadeira identidade do autor por trás do pseudônimo Sylvain Reynard.

Sabemos que ele é canadense, já escreveu vários livros de não ficção e tem um profundo interesse pela arte e pela cultura renascentistas. Mas, embora declare ser do gênero masculino, seus fãs têm uma forte suspeita de que na verdade S.R. seja uma mulher.

Semifinalista ao prêmio de Melhor Autor e Melhor Livro no Goodreads Choice Awards de 2011, Reynard apoia diversas instituições de caridade e acredita que a literatura ajuda a explorar os diversos aspectos da condição humana, como o sofrimento, o amor e a redenção.
www.sylvainreynard.com



13 comentários:

  1. Oi :)
    Antes de mais nada queria dizer que o blog está fofo *-* Meu apaixonei pelo template <3
    Então... a trilogia faz bastante sucesso e a temática ainda não fora esquecida. Pode ser que, em breve, eu leia a trilogia. Até o momento não vi comentários negativos sobre ela.

    Abraços.
    Entre Livros e Livros.
    http://musicaselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Fala-se tanto sobre esses livros que eu queria lê-los, já que tudo que ouvi foi bastante positivo sempre.
    Saber que você gostou do desfecho é um incentivo a mais rs
    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
  3. ah é sempre triste a gente ver uma série perfeita chegar ao fim rsrs
    ainda não li nem o primeiro livro desta trilogia, mas está na minha lista e pretendo ler em breve também. Adorei a resenha e gostei de saber que o final foi bom, deve ter sido mesmo lindo! :)
    beijos ♥

    ResponderExcluir
  4. OMG como assim o Gabriel vai fazer aparições nos próximos livros? Eu não sabia disso.
    Eu adoro essa série, infelizmente acabou, por isto estou adiando tanto ler, mas sua resenha agora me deixou curiosa... Quero tanto saber se eles vão poder ter um filho ou se eles vão adotar e isso do narrado deve ser bem legal, quero mesmo ler, mas ao mesmo tempo não quero para não acabar tão rápido assim =/

    http://worldbehindmywall.fanzoom.net

    ResponderExcluir
  5. Amanda, juro que eu tentei gostar deste livro, mas foi impossível! Parei no primeiro volume e fiz um esforço sobrenatural para terminá-lo. Infelizmente, não me identifiquei com o personagem...com nenhum! Detestei o casal! rs

    Beijos


    www.booklover.com.br

    ResponderExcluir
  6. Gostei da resenha Amanda. Ganhei o primeiro livro desta trilogia em uma promoção e pretendo ler assim que possível. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  7. Oi meninas, uma prima minha comenta tanto dessa série que eu fico tão curiosa para lê-la. Mas eu acho os livros relativamente caros, então ainda não tive coragem de comprar.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Adorei saber que Gabriel ira aparecer em outros livro iupiiiiiiiiii, adoro ele, eu amei o primeiro livro e ainda não li o segundo, então imagina minha ansiedade pela continuação.
    Eu queria muito saber se eles vão ter filhos..é minha maior curiosidade, pois que ficariam juntos era inevitavel rs, espero ler ainda este mÊs o segundo livro que ja tenho aqui,
    beijos.

    ResponderExcluir
  9. Li por cima porque ainda não iniciei essa série!Quero muito ler! *-*
    As capas são tão sexys. rsrs < 3
    beijos
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Como não tenho interesse em ler essa serie, li a resenha sem medo de pegar spoliers. Acho que já esgotei meu estoque de leituras desse gênero.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  11. Oi, Amanda!
    Essa série é de fato bem comentada pela blogosfera, me parece muito boa. Indicarei para minha irmã, sem dúvidas, já que ela gosta bastante do gênero.

    Beijão,
    Sofia - Lendo de Tudo

    ResponderExcluir
  12. Oi Amanda!
    Amo essa trilogia, e só falta esse último livro :)
    Adorei.
    Bju

    ResponderExcluir
  13. Eu ainda não os livros desta autora, mas as resenhas sempre são tão boas que quero ler assim que possível.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir