O Julgamento de Gabriel - Sylvain Reynard

LIVRO NO SKOOB: O Julgamento de Gabriel
TRILOGIA: Gabriel's Inferno - Livro 02
AUTORA: Sylvain Reynard
EDITORA: Arqueiro
PÁGINAS: 384
ANO: 2013
MINHA AVALIAÇÃO: 
+ Favorito


Eles estão vivendo uma paixão arrebatadora. Mas muitas pessoas são contra esse amor. Gabriel Emerson e Julia Mitchell se conheceram há muito tempo, quando ela ainda era adolescente, numa noite mágica e confusa. Mas, apesar de todo o sentimento que nasceu entre eles, no dia seguinte seus caminhos se separaram. Anos depois eles se reencontraram quando Julia começou o mestrado na Universidade de Toronto. Gabriel era um professor enigmático, sedutor e muito arrogante que a atormentava e perseguia. No entanto, o que mais fazia Julia sofrer era ele não se lembrar dela. Mas nem mesmo o insensível Gabriel é capaz de resistir à profunda conexão que existe entre eles e logo os dois embarcam numa tórrida paixão proibida. Com o fim do semestre e do curso ministrado por Gabriel, eles deixam de ser professor e aluna e enfim estão livres para viver seu amor. Ou pelo menos era o que pensavam. Após uma viagem romântica para a Itália, durante a qual Gabriel ensina a Julia todos os mistérios do prazer e, em troca, aprende com ela o significado do amor verdadeiro, os dois veem seus sonhos ameaçados. Duas denúncias junto ao Comitê Disciplinar da Universidade põem em risco o emprego de Gabriel e a carreira brilhante e promissora de Julia. Será que o professor vai ceder às ameaças ou irá lutar até o fim por sua amada? Será que essa paixão conseguirá resistir a um julgamento implacável? Na apaixonante sequência de “O Inferno de Gabriel”, Sylvain Reynard constrói uma bela história de amor, da qual os leitores jamais se esquecerão.

Essa resenha será bem exagerada, fazer o que se eu sou apaixonada por um belo romance. Se você, querido leitor do blog, não curte muito romance, por favor me perdoe, mas eu estou apaixonada por essa trilogia, então por isso toda essa minha empolgação com o livro. Não vejo a hora do lançamento de A Redenção de Gabriel.

Pra quem leu o Inferno de Gabriel e já gostou, pode se preparar pois Sylvain Reynard caprichou em O Julgamento de Gabriel. O nosso mocinho vai passar por algumas transformações e vai ficar ainda mais irresistível...

E pra você que ainda não leu o livro anterior, aconselho a não continuar lendo essa resenha pois pode conter spoiler... É por sua conta e risco... Depois não diga que eu não avisei!!!


O Julgamento de Gabriel é um livro um tanto tenso, já que os protagonistas estão passando por um momento bastante delicado no seu relacionamento, mas ainda assim o livro continua sendo além de intenso, poético, inspirador e com um romance bem doce. Talvez doce demais para o paladar de alguns leitores, mas eu particularmente adoro!

Até as cenas hots não tem aquela carga pesada, Sylvain consegue descreve-las de forma sutil, romântica e ao mesmo tempo de tirar o folego. Este não é um livro erótico se é isto que você está procurando, numa época onde a maiorias dos livros são desse tipo, O Julgamento de Gabriel consegue surpreender e agradar sendo um livro sensual e ao mesmo tempo romântico. Gabriel ama Julia de forma tão intensa que praticamente a venera.

- Você é linda. Cada parte sua é uma obra-prima, do topo da cabeça até a ponta dos dedos dos pés. Você é a Vênus e a Beatriz de Botticelli. Nem imagina quanto eu a adoro. Meu coração é seu desde o primeiro momento em que a vi, quando você tinha apenas 17 anos.

Após uma viagem romântica na Itália, o nosso casal está de volta a realidade de trabalho e estudo, mas mesmo assim estão felizes por finalmente poderem ficar juntos, e estão tentando um com a ajuda do outro superar as feridas do passado.

Porém o relacionamento dos dois vai ser abalado por duas denúncias junto ao Comitê Disciplinar da Universidade, e essas denúncias irão pôr em risco não só a carreira de Gabriel, mas também o futuro de Julia.

E os dois vão ter que decidir o que é realmente mais importante pra eles, se vai ser manter as suas carreiras ou manter o amor que eles sentem um pelo outro. Vai ser uma verdadeira prova de amor e de confiança. Até onde um está disposto a ir para ajudar o outro.

Até ai nada de muito surpreendente na história. Depois que esses dois se reencontraram no primeiro livro, já era de se esperar que na continuação da historia o amor deles fosse passar por algum teste, mas o mais legal é como Sylvain desenvolveu a história. 

A Julia continua sendo a Julia de sempre, irritante e sem graça, não é o tipo de mocinha que eu goste, ela não luta pelo que deseja, e não consegue enxergar o amor que Gabriel está lhe oferecendo, nem o que ele é capaz de fazer para protege-la e vê-la feliz.

- Também te amo. Muito mais do que deveria, tenho certeza. Mas não sei amá-la de outra forma. – Suas últimas palavras foram apenas um sussurro, mas incendiaram o ar.
- Também não sei ama-lo de outra forma.
- Então que Deus tenha piedade de nós.

Já Gabriel passa por um amadurecimento. É fato que Julia é a sua inspiração, mas ela não é o único motivo. Gabriel começa a perceber que precisa mudar por si mesmo, pois deseja ser um homem melhor. É uma jornada complicada, um tanto sofrida, mas também muito romântica, onde um homem é mudado pelo poder do amor e da graça. Gabriel faz as pazes consigo mesmo.

Assim como Dante, Gabriel está saindo do Inferno e sendo guiado ao Paraíso, e nesse caminho algumas feridas que estavam aberta serão fechadas após Gabriel encara-las de frente. Apesar da Julia o livro é muito bom, a história não se arrasta, Sylvain consegue manter o foco e deixa a história bem enxuta mas sem comprometer o conteúdo, e o leitor não consegue largar até terminar. Agora é só aguardar o desfecho dessa trilogia.

O JULGAMENTO DE GABRIEL foi cedido em parceria pela EDITORA ARQUEIRO

SOBRE O AUTOR(A):

Quase nada foi divulgado sobre a verdadeira identidade do autor por trás do pseudônimo Sylvain Reynard.
Sabemos que ele é canadense, já escreveu vários livros de não ficção e tem um profundo interesse pela arte e pela cultura renascentistas. Mas, embora declare ser do gênero masculino, seus fãs têm uma forte suspeita de que na verdade S.R. seja uma mulher.
Semifinalista ao prêmio de Melhor Autor e Melhor Livro no Goodreads Choice Awards de 2011, Reynard apoia diversas instituições de caridade e acredita que a literatura ajuda a explorar os diversos aspectos da condição humana, como o sofrimento, o amor e a redenção.
www.sylvainreynard.com



13 comentários:

  1. Eu sou apaixonada por essa trilogia, o primeiro livro devorei em 3 dias e já estou louca pelo segundo livro.

    Parabéns pela resenha!

    http://romancesdabruna.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não li sua resenha porque ainda não li nenhum da série!
    Dica anotada!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  3. Ainda bem que você avisou pra quem não leu o primeiro livro não ler a resenha! kkk
    Eu to doida ler O Inferno de Gabriel, você não tem noção! Ele com certeza é a minha próxima compra, na verdade eu quase comprei ele essa semana, mas acabei pegando Belo Desastre e Easy que estavam em super promoção. Mas preciso dele, li tantas coisas boas que preciso conferir também.

    Beijos :*
    Vícios em Três.

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li o primeiro, mas já estou ansiosa por esse. Dá pra ver que a história cresce, os personagens melhoram e tomam um rumo mais elevado, sei lá. Gostei de como ficou, parece ser muito bom.

    ResponderExcluir
  5. Amanda, tenho uma amiga da facul que comprou o primeiro e o segundo e está amando a série! <3

    Beijos,
    Caroline
    http://criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. AAH todo mundo fala super bem desse livro, mas não chamou muito a minha atenção.. quem sabe um dia..

    Beijos!
    http://meuvicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ao contrário de muitos, eu AMEI O Inferno de Gabriel e não vejo a hora de poder ler o Julgamento *-*
    Adorei a resenha, só me deixou com mais vontade ainda!

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com.br

    ResponderExcluir
  8. Não li a resenha a fundo, mas pelo que eu vi foi só elogios. Tô ficando bem curiosa :D
    Beijos,K.
    Girl Spoiled

    ResponderExcluir
  9. Eu adorei o primeiro livro!
    Espero gostar do segundo, mas fiquei com receio agora sobre o que você comentou da Julia.
    Realmente essas atitudes dela incomodam bastante.. a única coisa negativa =/

    bjs

    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  10. Já li muitas resenhas sobre essa série e me apaixonei pelo conteúdo. Estou curiosa pois muitas que eu li falam da Júlia que ela começa a ficar irritante kkkk Pior que eu já comprei O Inferno de Gabriel, mas queria ler quando já tivesse todos, mas vendo sua resenha fiquei curiosa e acho que nem vou esperar lançar o último.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Ai que bom que você frizou que não é romance erótico eu não sou contra mais tem uns livros que realmente eu não considero legal de ler (minha opinião) faz um tempo que venho namorando essa saga para começar a leitura então acho que vou comprar o primeiro livro e acredito que eu vá gostar a sua visão de ver o livro me fez decidir Xero!!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Coutinhoalex

    Quero ler esse livro urgente! Júlia é demasiadamente repetitiva, parece ser imatura, espero mudar de opinião depois de lê-lo. Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  13. Como ainda não li "O Inferno de Gabriel", e pretendo, preferi não ler a resenha completa, e pulei direto para o último parágrafo. Pelo que entendi, a protagonista não deixou uma boa impressão nesse segundo volume. Rsrsrs
    Mesmo assim, pretendo ler essa trilogia.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir